Ser realista é preciso...

sábado, 21 de novembro de 2009
Não fui a primeira nem serei a última.
Antes de entrar nesse mundo que até então era desconhecido por mim, eu vivia normalmente com meus estudos, entre um fds e outro, rodinhas de amigos em barzinhos, festas.... Para minha idade tudo normal, até começar a usar a internet para outras coisas além de msn, orkut e pesquisar em geral.
Conheci uns sites de relacionamentos com pessoas do mundo todo, foi então que Javed entrou em minha vida.
Passando por uma fase de total carência, se refazendo do fim de um relacionamento de três anos ele entra em minha vida falando tudo que eu queria escutar, fazendo planos, elevando minha alto estima, sendo carinhoso e atencioso em momentos de dor, me dando atenção excessiva que até encomodava as vezes, como ligar todos os dias de madrugada por conta da diferença de fuso e pedir carinhosamente para eu entrar que ele havia sentido minha falta, estar sempre lá disponivel para mim.... se fosse necessário 24 por dia se eu precisa-se.
E alem disso lindooooo, charmoso, muito familia, religioso e outras coisas mais que a meu ver só um coração de pedra bem frio não envolveria ao ponto de se apaixonar.
Foi assim em total reciprocidade de sentimentos que começamos a planejar nosso encontro, ficavamos horas falando sobre isso e outras coisas tipo, filhos.... nomes dos filhos, quantos meninos e  quantas meninas, Ele me iniciou no Islã por vontade e curiosidade minha.  E quando mostrei vontade de conhecer ele parecia a pessoa mais feliz do mundo.Vendo como é linda sua fé a Allah, tomei conciência  de sua cultura dos seus costumes e principalmente o que era ser mulçumano.
Sua casa era sempre cheia, com muitas crianças pequenas e sempre possivel me mostrava seus sobrinhos.
Teve momentos de até interação familiar que me apresentou para suas Tias, juro rolando até thalzinho, hi... e elegios da parte delas.
Em algumas semanas estava me falando da benção que sua mãe tinha dado para gente (o pai faleceu a muito tempo) que ela tinah ficado feliz por ele estar amando e tal....  Em outro dia me apresentando para os companheiros da empresa.
Até que marcou as passagens e pediu para eu ver lugar pra ele ficar, os programas que iriamos fazer, os lugares para conhecer, ele adora lugares verdes e aqui em minas não faltava opções.
Eu estava tão feliz com isso tudo que parecia um conto de fadas, tudo aconteceria da forma que Deus queria eu eu não estava forçando nda.
Isso se estendeu por mais algumas semanas, até a violência no Pakistan se intencificar e ele mudar totalmente, não quero ficar tapando o sol com a peneira, mas coincidiu com sua mudança de comportamento repentino e total.
Ele sumiu dois dias antes de meu anivessário e não apareceu nem para me dar parabéns. Eu fiquei tão mal com isso, não era possivel aquilo estar acontecendo depois de tantas coisas boas vividas, isso de um dia para outro. Pronto foi o suficiente para eu ficar doente, fui para no hospital com febre de quase 40 graus. E o diagnóstico baixa resistencia.
Depois disso nunca mais foi a mesma coisa. Ele apareceu dois dias depois cheio de vergonha , e falando que não queria me enganar, que eu era a mais doce pessoa que ele tinha conhecido e que mais se preocupava com ele, mas não poderia se casar comigo agora.
Foi apartir daí que comecei a ver que nem tudo eram flores  e que como tinha me situado os problemas por conta de diferenças de cultura, a distância e outras coisas tinham demorado a aparecer mais chegaram.
Ele está lidando da forma mais ruim que poderia, some, fica dias sem aparecer, ai aparece e volta a ser meu jan, depois some denovo.
Esse dias eu tentei explicar que casar agora não era o mais importante que tudo poderia esperar (pois tenhos planos e compromiço com meus estudos), o que não podia acontecer ficarmos sem nos falar, mas pelo visto ele não entedeu.

Vou dar meu parecer sobre tudo isso:

Para mim ele omitiu muitas coisas, e com o passar dos dias e as coisas ficando no nível que chegaram ele ficou com medo, pois querendo ou não as mudanças não seriam só para mim, com certeza pesou o fato de eu ser ocidental criada em uma terra onde tudo é normal... Muito diferente dele, de seu modo de vida. Resumindo e falando com suas palavras: é melhor parar agora antes que alguém saia muito ferido. Eu expliquei que poderiamos ser amigos e que o futuro a Deus pertencia, mas eu não queria ficar sem falar com ele.
Mas com o passar dos dias percebi que para ele nada tinha mudado, pois os I Love You So Much saiam constantemente. Ele me mandou um vídeo que era de um filme que o casal não podia ficar junto e sofriam muito com tudo isso (o moço fcava doente, e acho q a doença era grave).
Ele não está sabendo com lidar com isso, não mesmo.




Penso... penso.... e penso até minha cabeça doer e não consigo entender. A cada minuto surge uma teoria diferente.......

Todos os dias peço a Deus que me mostre o pq disso tudo... qual é o bjetivo desse aprendizado...

Hoje com uma semana quase sem falar com ele estou sentindo um mix de medo, mágoa, amor, descofiança, sabe aquela sensação de pés e mãos atadas..... é assim que me sinto.

Faço isso por várias meninas que tbm entram nessa, olha só ....... são várias as dificuldades, vão depender de caso para caso.

7 comentários:

  1. disse...:

    Ai gata... que situaçao :/

    Eu e o meu respectivo tbm passamos por mtas discussoes... quantas vezes ja ouvi da boca dele "vc sabe que nao vamos ficar juntos mesmo"... e nossa, isso doia demais... mas acho que pessoalmente é mais fácil lidar com a situaçao, pq a pessoa é obrigada a te ouvir! pelo telefone ou internet é só desligar que vc nao tem outra forma de reverter e situaçao e tentar falar com ela....
    Esses momentos de conflitos acabaram entre eu e ele, e nós fizemos um pacto de nao falar sobre isso até maio de 2010. Que só iamos pensar em futuro lá, e que iamos viver cada dia como se fosse nosso último. Pos bem, o tempo passou e nosso amor ficou mais forte e hj sem querer falamos em futuro de 5 rm 5 minutos. E casa vez o amor se intensifica. Acho que vc tem de mostrar pra ele que sofre por antecipaçao nao da em nada :) eixa as coisas acontecerem.... esses homens de lá tem esse negocio de dominaçao da situaçao, mas diz pra ele que agora nao tem certo e errado. E na hora certa vcs fazem as escolhas que tem de ser feitas.

    E outra coisa gata, presta atençao se ele nao ta te escondendo nada, heim.... ve isso ai!!! rssss

    Entra no msnnnnnnnn!
    Beeeijos!

  1. Viviane disse...:

    Oi Thais!
    Sabe,o meu habibi é igual :( igual igual! Sofro muitooooo com isso, e aos poucos estou a perder esperança no nosso futuro juntos. Tudo bem que ele se ausente porque tem coisas para resolver na vida, mas ficar tempo seguido sem dizer palavra ninguém merece.
    Não somos as unicas assim,acho que isso é comum a muitos homens muçulmanos que vivem naqueles países. Não sei porque eles fazem isso :( Ainda tou para perceber. Se alguém souber me responda pleaseeee pois preciso saber o porque de tanta ausencia :(((
    Boa sorte, tudo de bom pra vc!!!

  1. Thaís disse...:

    Eu por exemplo já tentei entender..... mas eles não foram criados para dar respostas, mais sim receber......
    Então eu posso daqui a alguns dias estar feliz... mas ai vem a ausência..... que é pior q tudo até pq o país n está em boas cndições de segurança.... fico doidaaaaaaaaaaaaa.....

    Queri aque tudo fosse mais simples, mas se fose tão simples não estaria tão envolvida.... tudo que é mais fácil agente tende a se afastar sempre, mas eu acho que merecia mais consideração... né?!?!??!

  1. Thaís disse...:
    Este comentário foi removido pelo autor.
  1. Uma maluca disse...:

    Ai Thais, que situação triste... e é um assunto que só vc pode decidir sobre, tão dificil né?
    queria poder ajudar, mais apesar de o meu 'caso' ser também extrangeiro e muçulmano, a minha situação é diferente da sua...
    Ontem eu tava te falando sobre a gente ter que pensar com a cabeça daqui, e com a cabeça de lá também, mais acabei nao concluindo meu pensamento...entao aqui vai...
    Certo, aqui as coisas nao são assim, a gente nao casa, mesmo, de uma hora pra outra, e ficar por ai, e ter alguns namoros longos antes de achar o certo pra casar é super normal.
    Eu não posso dizer ao certo, mais pelo que eu leio por ai, lá nao é bem assim... tem um caso aqui, outro ali? não sei, pode até ter, mais é excessão, nao a regra. Então se uma menina está sendo levada a serio, é tratado sobre o futuro do relacionamento sim, veja bem, futuro*. e isso pra eles é casamento. mas claro também que nao adianta so falar que tem interesse nisso, pq pelo que eu percebi lendo por ai tambem, pra eles 'casa comigo' é praticamente um 'bom dia'.
    Eu acho tudo isso muito confuso e complicado, e tem diversas explicações plausiveis pra atitude dele, desde má fé, até medo mesmo... mas eu pessoalmente, nao acho que isso seja desculpa pra sumiços. isso é falta de consideração. e a gente costuma ter consideração por qm a gente gosta.
    Pensa bem em tudo isso, em toda essa situação, ve o que tem no seu coração, pesa com o que esta na sua mente...
    Vc é bonita, é alegre, é legal, tem estudo, vc nao precisa sofrer, nao precisa ficar triste. Isso tudo é mto diferente e complicado, mais nao passa por cima de vc nao, nao esquece de vc, do que te faz bem... da um tempo... sai, vai pro bar, tenta conhecer gente nova, e desligar um pouco dele...qm sabe se a situação inverter,se qm some de vez em sempre é vc, ele nao cai na real... ;)
    fica bem ta flor!
    qualquer coisa to pelo msn :)
    bejooo*
    :)

  1. Thaís disse...:

    Muito obrigado Malu.........
    Infelizmente tudo de bem ruim é verdade, mas pode ter certeza que se antes que os relacionamentos eram tão presentes e reais e tirei de letra, não vai ser agora que vou perder a compostura rsrs...
    E outra............. sumir..... férias...... ainda vou voltar aqui e contar algo como tipo...
    Nossa pq vc sumiu assim??
    Até parece que n sei o fim desse história... ainda mas quando a mulher se mostra mulher e não mais garote e bota pra quebrar.... rsrrs

    BJus
    Obrigado pela forçaaaaa te adoro... sempre presente !!

  1. Anônimo disse...:

    Oi amiga!!!!! Pois é, não somos as únicas vivendo uma experiência de amor, namoro virtual, sei lá como podemos chamar isso com um mulçumano.
    Antes isso era mais frequente com europeus, americanos, mas hoje esses homens estão invadindo o Brasil e conquistando as brasileiras.
    Será pelo jeito doce de falar que eles tem?Ou quem sabe pela carência de carinho e atenção que muitas de nós estão sentindo?
    Não sei....eu mesma me faço essa pergunta e não sei qual a resposta correta.Não que falte homem por aqui onde moro, mas acho que para mim o que me atrai é o desconhecido.
    Como você estou tentando entender melhor sobre o Islam, sobre a cultura deles,sobre como é viver em um lugar totalmente diferente daqui.E nem sei até onde esse relacionamento virtual vai.
    Como ele me disse esses dias: vc está fazendo tanto por mim e o que eu faço por vc?
    Em certo aspecto ele tem razão, porque nem tentar aprender portugês ele tenta, e eu correndo atrás do inglês e do árabe.Mas tudo bem, essa é uma opção minha.
    Sinto pelo meu, que eles sempre escondem algo, que nunca são claros como nós esperamos que sejam e talvez como nós somos com eles.
    Tentar ter algo, mas com os pensamento daqui é complicado e tentar ter algo com os pensamentos de lá acho que é mais ainda.
    Penso que o meio termo no momento é o melhor.
    Será que isso vai dar certo? Será que é amor de verdade ou apenas enrolação?
    Eu me pergunto isso sempre e pergunto para ele tb.
    Ao mesmo tempo que confio, desconfio, afinal de contas é homem e tem uma cultura muito diferente da nossa.Até que ponto tudo isso vale a pena? Até que ponto abririamos mão de tudo por amor? O que eles fariam por nós?
    Sinto que tanto eu, como vc ou outras, devemos tentar agir mais com a razão com eles.Não são todas as histórias que irão acabar em um "happy end", como algumas histórias que lemos em blogs.
    Sabes que gosto muito de vc, mesmo de longe e não quero saber que estás sofrendo por ele...assim como tb n quero vir a te contar que estou pelo Zaak...devemos ser fortes e saber aceitar a verdade ou o final de tudo isso.Queira DEUS que o final seja de um "happy end", mas se não for, valeu a lição que estamos tentando entender no momento.
    Se vc já falou tudo que tinha para o seu love ele mesmo assim some e aparece, deixa ele sentir tua falta e saber que se ele quer mesmo, tem que aceitar tua maneira de ser.
    Eu falo isso para o Zaak, sou brasileira e isso nunca mudará, quer meu respeito, me respeite.
    Cada história é única,queira que a nossa, a sua, termine de uma maneira especial e feliz!!!
    Não tente entender mais, apenas viva sua vida aqui...vc é linda, logo ele vai se aperceber disso ou então um novo e lindo " habib" vai se encantar por vc!
    Beijos, fica com DEUS

    Mara